Dois polos, uma centelha: Poesia Haicai e o Corpo na Cidade – dia 14 de Abril de 2018 – Inscrições abertas!!!

projeto_eflyer_palacete_haicai

WORKSHOP
DOIS POLOS, UMA CENTELHA: POESIA HAICAI E O CORPO NA CIDADE
Com LUCIANA BORTOLETTO / … AVOA! Núcleo Artístico – SP

A partir de uma breve contextualização histórica da poesia haicai, exploraremos princípios, qualidades estéticas e estados que constituem a sua poética e estrutura formal. O diário de viagem de Matsuo Bashô, textos de Octavio Paz, Olga Savary e Haroldo de Campos são referências. Tal embasamento nos oferece suporte para praticarmos a escrita de poemas.
As sacadas do palacete serão nossos observatórios de uma “natureza urbana” em pleno outono, assim como o cruzamento com a Rua Direita e também com a Rua José Bonifácio.
Entraremos em contato com alguns procedimentos somáticos para sensibilização e estruturação do corpo, com enfoque na relação da respiração e alinhamento ósseo para modulação do tônus.
Assim, o ato da escrita e o corpo presente imerso naquele lugar específico, poderão nos apontar caminhos de uma sutil coreografia que se constroi com uma dinâmica própria, uma centelha poética que salta de dentro desse palacete antigo para a rua, em um sábado de abril.

LUCIANA BORTOLETTO é dançarina, pesquisadora do movimento que atua como criadora-intérprete de dança, coreógrafa, professora, orientadora artística e diretora do …AVOA! Núcleo Artístico. Há dezoito anos dedica-se integralmente ao trabalho com ensino, criacão e pesquisa em dança contemporânea, influenciada pelo pensamento Nova Danca, por metodologias somáticas, pela Mímica Total e técnicas de improvisação coreográfica.
Escreve haicais desde 2003; integrou o Grêmio Haicai Ipê e recebeu o prêmio, como poeta, no concurso do Encontro Brasileiro de Haicai, em 2004. Realizou inumeras oficinas de dança e poesia haicai desde 2003 até hoje, dentro e fora de São Paulo, em centros culturais, bibliotecas, entre outros. Criou as performances “Encontro em três versos”, unindo dança, haicai e sonoplastia, “Viver o gesto no inverno do verso”, apresentado na celebração de vinte anos do Grêmio Haicai Caminho das Águas, em 2015, além de festivais de dança, mostras e exposições fotográficas. Sua linha de pesquisa em dança refere-se a improvisação e trabalhos fora do palco, em contexto urbano, unindo dança, poesia, linguagem fotográfica e música em seus processos de criação. Seu primeiro contato com a poesia haicai ocorreu por intermédio da bailarina e coreógrafa Sônia Mota, do fotógrafo de cena e performer Gil Grossi, das poetas Alice Ruiz e Teruko Oda; desde então vem desenvolvendo um caminho que articula essas linguagens para exercitar modos de viver e ver o mundo, conhecer, registrar e cartografar os lugares onde dança, criando danças que exploram a proximidade com as pessoas e com os lugares onde atua.

BLOG:
https://lucianabortoletto.wordpress.com/
http://corpodancacidade.wordpress.com/
INSTAGRAM:
@danca_abordagens_somaticas
@avoa.nucleo.artistico

PÚBLICO-ALVO: Maiores de 18 anos, estudantes, escritores, arquitetos, artistas e quaisquer interessados nesta proposta, com total disponibilidade para estar em espaço público, com ou sem experiência anterior em dança.

 

EVENTO WORKSHOP

https://www.facebook.com/events/428836554241327/

SOBRE AQUI ALI SALAS DE DANÇA

https://www.facebook.com/pg/aquialisalasdedanca/about/

SOBRE O PALACETE TEREZA

http://spcultura.prefeitura.sp.gov.br/espaco/1865/

 

 

Anúncios

Boas novas e boas aulas em 2018!

Dois mil e dezoito começa com a retomada e o mergulho em algo que amo fazer: oferecer aulas de dança, corpo e movimento com abordagem somática. Diferentes propostas para atender a diferentes objetivos e necessidades de quem deseja iniciar uma atividade ligada à pesquisa em dança, autoconhecimento, bem-estar e saúde.

  1. Curso regular: DANÇA CONTEMPORÂNEA COM ABORDAGEM SOMÁTICA 
  • Público-alvo: Quaisquer interessados maiores de 18 anos, com ou sem experiência em dança contemporânea
  • Local: SALA CRISANTEMPO – Rua Fidalga, 521 – Vila Madalena – São Paulo – SP
  • Contato: (11) 3819-2287 e (11) 3814-2850
  • Email: crisantempo@salacrisantempo.com.br
  • Data de início: 07 de fevereiro de 2018
  • Dia e horário regular: Quartas das 20h às 22h
Image5
Aula na Sala Crisantempo – Imagem de Aline Batista

2. Curso regularEDUCAÇÃO SOMÁTICA, CONSCIÊNCIA CORPORAL E COTIDIANO

  • Público-alvo: Quaisquer interessados maiores de 18 anos, com ou sem experiência anterior em práticas corporais
  • Local: CENTRO DE PESQUISA DA MÁSCARA – Rua Bamboré, 518 – Bairro Ipiranga São Paulo – SP
  • Contato: (11) 2368-7906
  • Email: contato@centrodepesquisadamascara.com
  • Data de início: 06 de março de 2018
  • Dia e horário regular: Terças, das 10h às 12h
DSC_1051
Prática corporal ministrada na Universidade Federal de Uberlândia – 2012 – Foto: Cleber Couto

3.  Práticas individuais em domicílio e para grupos em empresas: EDUCAÇÃO SOMÁTICA, CONSCIÊNCIA CORPORAL E COTIDIANO

  • Público-alvo: Quaisquer interessados maiores de 16 anos, com ou sem experiência anterior em práticas corporais
  • Local: Em domicílio ou dentro do ambiente de trabalho, a combinar
  • Contato: 11 99834-7243 (whatsapp)
  • Email: aulas.lb@gmail.com
  • Data de início:  15 de janeiro de 2018
  • Dia e horário regular: A combinar

 

 

 

 

 

 

 

 

Aulas de dança, em SP, começam dia 02 de agosto!

01_boneco_eflyer_dança-luciana_crisantempo_webfechado

Começam dia 02 de Agosto as minhas aulas na Sala Crisantempo – Rua Fidalga, 521 – Vila Madalena – SP/SP, toda quarta das 20h às 22h.

Aulas estruturadas em três momentos: práticas somáticas, investigação de movimentos, jogos coreográficos.

As práticas somáticas são compostas de exercícios de propriocepção, alinhamento, observação e modulação do tônus e respiração.

A investigação de movimentos acontece a partir de um tema norteador que convoca para a experimentação e descoberta de diferentes possibilidades de movimento e organização do corpo, sua relação com a gravidade e orientação espacial.

A seguir, jogos de movimentos e coreográficos convidam para o campo das relações, conforme são desveladas composições, danças solos e em grupo.

Público-alvo:
Interessados com ou sem experiência anterior em dança, a partir de 18 anos

LUCIANA BORTOLETTO

Iniciou e desenvolveu seus estudos em dança contemporânea com abordagens somáticas no Estúdio Nova Dança, durante os anos de 1998 a 2006. Lá realizou aulas regulares de dança e alongamento nos anos de 2003 ao final de 2006. Ao longo de quase vinte anos, tem se dedicado às abordagens somáticas no ensino de dança e à pesquisa de movimento. É cofundadora, diretora, coreógrafa do …AVOA! Núcleo Artístico (2006), que explora corpo e dança em contexto urbano e com quem recebeu o prêmio Denilto Gomes, em 2013, pela performance Solo de Rua, apresentada no Brasil e em Portugal, na BIenal SESC de Dança, Festival Visões Urbanas, entre outros. Integra o Grupo de Investigações da teoria de Hubert Godard, com orientação da terapeuta rolfista Mônica Caspari.
Em 2017 atuou como intérprete de dança convidada na circulação do espetáculo Espaços Invisíveis, da Cia. Damas em Trânsito e os Bucaneiros, com direção de Alex Ratton. Atualmente desenvolve o projeto Vir-a-Ser, para manutenção de pesquisa em dança, cotlntemplado com a XX Edição do Programa Municipal de Fomento à Dança.
Para saber mais:
https://lucianabortoletto.wordpress.com/
http://corpodancacidade.wordpress.com/

As inscrições estão abertas e se quiserem conversar comigo para saber maiores detalhes de como serão essas aulas, pode me mandar um email: aulas.lb@gmail.com
********************************************************************************

– O curso é livre e direcionado adultos com ou sem experiência anterior.
– O valor da mensalidade é R$220, sem taxa de matrícula.
– A inscrição deve ser realizada pessoalmente no local das aulas, a pedido da secretaria do espaço, acompanhada do formulário de inscrição que encaminho, em anexo.
– Posso emitir uma declaração de participação, se houver, no mínimo, 70% de presença nas aulas.

******************************************************************************

A Sala Crisantempo fica na Rua Fidalga, 521 – Vila Madalena – São Paulo – SP, a quinze minutos à pé do metrô Vila Madalena.

Site Sala Crisantempo:
http://salacrisantempo.com.br/home/

Email para tirar dúvidas diretamente com o espaço:
crisantempo@salacrisantempo.com.br

Um abraço e espero por vocês lá!

Luciana Bortoletto

 

94d614d30d928307049772a00409c0fe

 

 

Evento no facebook:

https://www.facebook.com/events/821107771382267/?acontext=%7B%22ref%22%3A%2222%22%2C%22feed_story_type%22%3A%2222%22%2C%22action_history%22%3A%22null%22%7D&pnref=story

Movimento somático e poesia haicai: uma experiência artística em contexto urbano

...AVOA! Núcleo Artístico

por Luciana Bortoletto

Neste texto, compartilho a experiência da oficina “Dois polos, uma centelha: poesia haicai e o corpo na cidade”, realizada no Centro de Referência da Dança de São Paulo, de 19 a 23 de julho de 2016, na Praça Ramos, localizada no centro de São Paulo, capital. O objetivo é refletir os processos de criação do …AVOA! Núcleo Artístico a partir de experiências com o estudo da fisicalidade, poesia haicai e contexto urbano. O que conecta, neste estudo, campos tão distintos entre si?

Gravidade, orientação espacial, propriocepção

Em um grupo formado por pessoas com experiências tão diferentes entre si e pouco contato com técnicas somáticas, poesia haicai e criação em contexto urbano, como instaurar um ambiente de investigação e criação abordando, justamente, esses elementos? Quais são os aspectos que os aproximam e como explorá-los?

Partimos da fisicalidade, da propriocepção em direção a percepção do Outro e do ambiente:

Ver o post original 2.322 mais palavras

Em julho de 2016 tem oficina gratuita no Centro de Referência da Dança de São Paulo!

Inscrições abertas e programação completa do CRD aqui: http://www.crdsp.com.br/p/blog-page_9.html

De 19 a 23 – terça a sábado
10h – Oficina – “Dois polos, uma centelha – Poesia Haicai e o Corpo na Cidade”
Orientação: Luciana Bortoletto – …Avoa! Núcleo Artístico
A oficina propõe a experiência coreográfica/ performativa em contexto urbano a partir de três eixos: o primeiro é constituído da investigação de movimentos, aliando fundamentos específicos da dança contemporânea e procedimentos práticos somáticos, que vão ao encontro do conceito de integração estrutural a partir da percepção do corpo, da gravidade, função tônica, com a ativação de diferentes sentidos. O segundo provoca um contato e experimentação de fundamentos da Poética Haicai enquanto linguagem escrita, sua estrutura formal e os estados de existência relacionados com essa Poesia da Natureza, partindo da observação e contemplação de fenômenos naturais específicos, apoiadas na fisicalidade. O terceiro eixo explora o encontro dos dois primeiros, vivenciando seus possíveis desdobramentos e ressonâncias, a partir de orientações específicas para que o acontecimento, ao qual o …AVOA! Núcleo Artístico nomeia de coreopoéticas urbanas, se manifeste dentro de uma organização e dinâmica próprias.

Solo: “Entre duas linhas vive o branco” – 2010

Inspirado livremente em poemas de Sophia de Mello Breyner Andresen e na obra da artista Lhasa de Sela, Entre duas linhas vive o branco tem como tema central a analogia entre corpo e morada. Uma das principais referências desse trabalho é “A Poética do Espaço” de Gaston Bachelard e explora imagens que fazem parte de um referencial simbólico autobiográfico, como revoadas, desenhos feitos pela criadora-intérprete projetados ao longo das cenas, rrecortes de luz que criam uma atmosfera onde brechas se abrem e revelam movimentos, gestos e uma subjetividade partilhada.

Em cena, poemas de Rudinei Borges trilham caminhos – escritos em tempo real no espaço cênico e o jogo entre dança, imagem, luz, palavra e música instauram uma atmosfera mais intimista.

Concepção, criação e interpretação: Luciana Bortoletto

Direção da versão 2010: Vanessa Guillén

Poemas de Rudinei Borges

Música original ao vivo de Dani Piva

Operação de Luz: Mariana Porto

Produção Executiva: Calu Baroncelli

Fotos: Gil Grossi

Artista da dança, coreógrafa e intérprete, pesquisadora do movimento, professora e orientadora artística. Interessada no encontro da dança com lugares e contextos para além do palco, o profundo conhecimento do corpo via educação somática e a experiência com as linguagens poética e fotográfica na construção de outros modos de ver e viver o mundo. Cofundadora e diretora do …AVOA! Núcleo Artístico